Skip links

Author: Bruno Almeida

Quem não mata, morre

Quem não mata, morre

Há uma expressão bélica muito comum no futebol: "quem não mata, morre". Isto aplica-se àqueles casos em que uma equipa, com possibilidade para alargar a vantagem, desperdiça vários golos. O público que assiste vai crescendo em ansiedade por não ver o golo da tranquilidade, até