Skip links

“Tenho vergonha de ser militante do PSD de Ponte da Barca”

O Pasquim da Vila foi confrontado com um relato emocionado de um militante do PSD de Ponte da Barca. Recebemos um telefonema com um misto de lágrimas e raiva.

De acordo com Rui, militante há quase 4 anos no PSD de Ponte da Barca, “logo após as eleições em 2017 fui convidado pelo José Alfredo Oliveira, presidente da Concelhia do PSD Ponte da Barca e agora ilustre vice-presidente da Câmara Municipal para me tornar militante daquele partido”.

 

Galeria de fotos Augusto Marinho 2017

Rui confessa que, na altura, “fiquei contente pelo convite, por vários motivos: porque revia-me na ideologia, porque fizeram-me acreditar que fazia parte de um processo crucial de mudança para a nossa terra, porque teria um papel participativo no projeto e porque muito provavelmente iria conseguir abrir portas a nível profissional”.

Rui pensava que “pelo facto de ser militante iria receber, novamente, um convite para fazer parte da lista para a minha junta de freguesia. Porque se servimos para fazer número; se servimos para que o José Alfredo se promova em Lisboa, se servimos para sermos chamados quando havia qualquer comício e assim demonstrar a força do PSD em Ponte da Barca, também deveríamos servir para fazer lista para lutar pelos interesses da terra onde moro, na terra onde nasci”.

 

Galeria PSD P.Barca

De acordo com este militante indignado, “o que está a acontecer é isto: eu, enquanto militante, não fui abordado. Pior ainda, a lista da minha terra está a ser feita com o Presidente da Junta que é PS mas que agora vai como independente. Mas muito pior do que isso é: quando o Marinho e o José Alfredo sabem que o Pedro Sousa Lobo convidou o presidente de junta para ir na lista, apareceram imediatamente para tentar roubar essa pessoa ao PS, possivelmente utilizando as mesmas estratégias de sempre: mentiras, promessas e ilusões”.

 

Galeria PSD P. Barca

Este militante afirma agora: “tenho vergonha de ser militante. Mais, ate sou alvo de chacota porque as pessoas vêm ter comigo a me perguntarem se faço parte da lista do PSD, eu, um militante tão férreo, e quando digo que não, admiram-se e ficam a perguntar o porque? E eu tenho a resposta a esse porque. Não fui convidado porque já me usaram e agora já não lhes interesso. É isso que eles fazem: tratam-nos como números! Como objetos que podem ser facilmente descartáveis”.

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment

  1. O PSD do Marinho, e digo do Marinho porque isto não é política do PSD nem de nenhum partido, representa a política de um Sr. sem alma e sem respeito por qualquer cidadão.
    Ele criou uma equipa à sua imagem e semelhança, de pessoas que não olham a meios para atingir os seus objetivos. Usam e abusam das pessoas para o que lhes interessa e depois ignoram-a ou destratam-as. Pensam que ganharam as eleições por mérito próprio e esquecem todos aqueles que os apoiaram…
    Mas atenção, agora voltam a se lembrar…
    Eu votei, apoiei e arraste o votos para o Marinho e passei 4 anos a ser desprezado, ignorado e desvalorizado…
    Mas agora terei oportunidade de lutar pela sua saída e assim o farei.
    Entrar na politica é uma forma de dar voz ao povo e lutar pelo bem de uma terra… Esse ideal não faz parte dos principios do Marinho, nem de Josés Alfredo, nem de Foliões, nem de Maias e nem dos chefes de divisão que ele escolheu… O lema destes 4 anos foi “olhar pelo meu humbigo”

  2. Esta é uma prática corrente e reiterada do PSD/Barca, desde há muitos e longos anos. São uns verdadeiros chulos da política, mentirosos e muito mais. . .
    É preciso passar por lá para os conhecer-mos melhor !

    1. Esta é uma prática corrente e reiterada do PSD/Barca, desde há muitos e longos anos. São uns verdadeiros chulos da política, mentirosos e muito mais. . .
      É preciso passar por lá para os conhecer-mos melhor !

  3. Boa tarde.
    Este tipo de testemunhos ja não me surpreende porque eu ja fui militante e ja vivi algumas partidas desses canalhas.

  4. Eu também faço minhas palavras as do militante que se passou exatamente o mesmo e preferem puxar um presidente do PS do que me darem acesso á minha habitação acesso esse que me foi tirado por vingança política e agora o presidente do PS diz só apoio se não derem acesso ao Carlos canto e assim se compram votos

    1. Vais ter de aguardar mais 4 anos. Já te fo#!#@. Ou então arranja umas azas

  5. Aí vós aindais lá e agora que não arranjasteis mais onde mamar, ao fim de 4 anos, é q começasteis a ladrar. au au, anda cá Boby!

  6. Post comment

    Miguel Angelo Rodrigues says:

    Na politica está se para servir e não para se servir e não li um argumento válido, apenas alguém dedpeitado.
    É altura deste Pasquim da Vila deixar de andar a enganar e tentar manipular as pessoas.ASSUMAM SE !

  7. A mim inscrever-me e até pagava as cotas, e é verdade, sempre que precisava de pessoas para fazer número ele telefonava, ou enviá-la mensagem para o grupo

  8. Esse zé alfredo devia ter vergonha de chatear as pessoas para serem militantes e depois ignorá-las quando não precisa. É por isso que esta terra não vai a lado nenhum

    1. Já se esqueceram do que precisaram á quatro anos que os que agora são amigos nesse tempo até processos judiciais instauraram

  9. Na minha terra o PSD também comprou o Nosso candidato, agora vai como independente a puxar votos para o Marinho mentiroso

  10. Pois eu até já desfiliei desse partido. Só querem manipular as pessoas para obter votos mais nada