Skip links

Jornal Notícias da Barca revela “Manifesto de 100 enganados por A. Marinho”

De acordo com a notícia do jornal Notícias da Barca do dia 20 de maio de 2021, um movimento cívico barquense intitulado de “PRC – Pelas Razões Certas” reuniu 100 barquenses e construiu um texto coletivo de modo a demonstrar o desagrado à postura governativa de Augusto Marinho em Ponte da Barca.

 

De acordo com o que está escrito, “este é um texto coletivo, assinado por 100 barquenses apartidários que se sentem fortemente enganados e desapontados por Augusto Marinho desde 2017”.

Pode ler-se no texto que os motivos dos assinantes “são de várias ordens: programa eleitoral por cumprir, linhas estratégicas por desenvolver, decisões que se afastam da ética que a equipa que construiu o programa preconizava, promessas de emprego feitas apenas para captura de votos e promessas de beneficiação de estradas, caminhos e até de habitações por realizar”.

 

Está ainda escrito que “este coletivo de pessoas manifesta um profundo desagrado por uma postura não ética por parte daquele que em 2017 conseguiu obter o voto de uma maioria, desapontando e enganando, em toda a linha, os sinceros e honestos votos de confiança de uma esmagadora maioria de pessoas, senão da totalidade, que lhe foram depositados”.

De acordo com estes 100 “enganados”, as “grandes linhas do programa, que depois deram origem a 129 medidas, estão praticamente todas por cumprir”.

 

Relativamente ao segundo argumento, que o texto refere como sendo “o modo como Augusto Marinho engana os seus conterrâneos”, onde “várias famílias a quem foram feitas promessas e que nunca mais viram ou ouviram Augusto Marinho”.

O texto acaba com a ideia de que “num ato de consciência cívica, todos juntos não podemos deixar de alertar para este tipo de postura não ética que acaba por lesar todo o Concelho e todas as suas populações”.

“Diante desta postura não ética, não interessam os projetos, os planos, os estudos, as ideias ou as linhas de desenvolvimento para a melhoria do coletivo. A única coisa que conta é a vitória pessoal, autocentrada, que protege o sujeito e a sua equipa. Aliás, entre mais de 100 promessas efetuadas em 2017, apenas um grupo muito restrito, facilmente identificável, foi alvo de beneficiação e sempre de modo muito privado, pessoal e familiar, sem qualquer ganho para o coletivo”.

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment

  1. O povo é enganado porque quer, os políticos são todos iguais.Muitos dos enganados saíram para a rua na noite em que o enganador ganhou as eleições, cantando que a DITADURA tinha acabado. A verdade é que a Ditadura começou nessa noite. FORAM ENGANADOS.

  2. Talvez eu consiga fazer o mesmo na Freguesia do Lindoso além de não cumprir com o prometido do acesso cortado por vingança política á minha habitação só faz o que o presidente da junta manda mesmo sabendo que é errado , a prova está nas portas do parque local de visita e por eu lá passar a pé tem erva silvas etc. da altura de um metro mas como o presidente da junta não deixa limpar não limpa, não falando nas câmaras de vídeovigilancia que o presidente da junta colocou no edifício das portas do parque que é propriedade da câmara municipal para controlar a minha entrada e saída todas as horas mas quem manda é o presidente da junta porque prometeu apoio político embora sendo da oposição .

  3. Podiam ter falado comigo.
    Eu também assinava, esse homenzinho, sim homenzinho, porque não tem palavra, e agora passa por mim e muda de lado na rua, a fazer de conta que fala ao telemóvel. É um rapaz. Espero bem que as pessoas abram os olhos, ele promete o que for.

  4. Aqui na minha casa jurou pela filha dele que a primeira coisa que faria caso ganha-se , era fazer-me a estrada. Até hoje, e nada

  5. Engana famílias e tem problemas com mulheres. Presidente cinco estrelas

  6. A mim andou 4 anos a me mentir todas as semanas.

  7. Vamos ver é se esse enganador desse Augusto não ganha outra ves

  8. Enganados e roubados. Os barquenses estao fodi** con isto

    1. Sois enganados porque quereis, os políticos são todos iguais. Muitos dos enganados saíram para a rua na noite em que o enganador foi eleito, catando que tinha acabado a DITADURA. Foram mesmo enganados, porque a ditadura começou nessa noite.