Skip links

Politécnico de Viana do Castelo tira uma tonelada de plástico da instituição por ano

OInstituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC) vai lançar, no ano letivo 2021/2022, um projeto-piloto que visa retirar, por ano, das suas seis escolas, mais de uma tonelada de garrafas plásticas de utilização única, foi esta sexta-feira divulgado.

 

Em causa está o projeto Refill H2O, coordenado pelo investigador do IPVC, António Curado, “considerado o melhor, entre as 24 candidaturas ao programa Ambiente, Alterações Climáticas e Economia de Baixo Carbono, promovido pelo Ministério do Ambiente e da Ação Climática (MAAC)”.

O projeto, com “duração de 18 meses e início no dia 15 de setembro, tem financiamento de 140.349,64 euros para a redução do lixo marinho”.

 

O coordenador do projeto, citado em uma nota hoje enviada pelo IPVC às redações, sublinhou que “as instalações do politécnico são frequentadas anualmente por mais de 5.000 alunos das mais diferentes faixas etárias, nas quais são consumidas anualmente cerca de 51.000 garrafas plásticas de 0,50l e 15.000 garrafas plásticas de 1,50l”.

 

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment