Skip links

“Sou barquense e tive de recorrer aos Arcos para ter uma consulta. Uma palhaçada!”

A história de Sandra Costa não será, certamente, caso isolado. Os testemunhos de doentes não covid-19 que precisam de atenção médica e que não a conseguem ter são cada vez mais o prato de cada dia. Esta jovem detetou uma dor de garganta bastante forte e, seguindo os protocolos, ligou para a linha Saúde24 e a partir daí, começou aquilo que denomina ‘um filme muito desagradável’.

Pub

Começa o seu relato afirmando estar sumamente revoltada com a situação que está a viver. Uma forte dor de garganta a fez ligar para a linha Saúde24 os quais, depois de fazerem um exaustivo questionário, descartaram a hipótese de covid-19

‘mas referiram-me para o meu centro de saúde para ser atendida porque poderia tratar-se de uma amigdalite e precisava antibióticos’, relata.

Sandra ligou então, para o centro de saúde da sua zona de residência, Ponte da Barca, para pedir a consulta com a sua médica de família ‘liguei no dia de ontem, várias vezes, e o telefone nunca foi atendido’. A jovem, ainda sentindo um grande mau estar entrou em contacto com a sua entidade patronal (Lar de São Jorge) para informar a situação na qual se encontrava e a entidade patronal terá pedido que Sandra fizesse o teste covid-19

‘para descartar que fosse o vírus. Ainda quando a saúde 24 descartou à partida uma infeção, era melhor certificar uma vez que no centro de saúde não atendiam os telefones’.

Pub

Sandra foi fazer o teste rápido o qual deu negativo para covid-19. Com o teste negativo em mão, e ainda sem receber resposta telefónica do centro de saúde decidiu ir pessoalmente para tentar ser atendida 

‘quando lá cheguei expliquei os meus sintomas e disseram que eu devia estar em isolamento. A minha médica de família recusou-se a me atender. Não quiseram saber que eu já tinha comigo um teste negativo’, conta.

Sem saber ainda o que fazer ligou novamente para a linha Saúde24 e para a entidade patronal

‘na linha Saúde24 disseram-me novamente para me dirigir ao meu centro de saúde, a minha entidade patronal decidiu fazer-me então o teste PCR. Ou seja, eu estou neste momento em isolamento sem estar positiva. É surreal!’, garante.

Esta utente não foi atendida no centro de saúde da sua área de residência, Ponte da Barca, teve de ir pedir uma consulta no centro de saúde do concelho vizinho, Arcos de Valdevez

‘isto é ridículo! Mandam-me fazer isolamento a saberem que tenho um teste negativo. Não me atendem e ainda por cima, tenho de ir procurar uma consulta no concelho vizinho para me receitarem antibióticos porque aquilo que eu tenho é uma amigdalite bastante grave’.

Pub

Sandra confessa que no centro de saúde de Ponte da Barca deixou uma reclamação

‘pedi o livro de reclamações porque o que eles me fizeram não se faz. Existem mais coisas além do covid-19 e as pessoas se estão doentes merecem e têm o direito de serem atendidas’, garante.

Ainda está à espera do resultado do teste PCR

‘mas a enfermeira que mo fez disse-me claramente que o resultado seria negativo porque via-se que aquilo que eu tinha era uma grande amigdalite. E assim vamos! A fazer isolamento sem necessidade, a precisar antibióticos que se negam a me receitar e a ter de recorrer ao concelho vizinho para obter uma resposta. Como eu disse no início: isto é uma grande palhaçada. Uma tristeza!’, conclui.

Pub

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment

  1. Nos arcos tb nao estao a dar consultas, mandam para ad urgencias em pobte de Lima… Por isso morre muita gente

  2. Onde está a administração? Não existe? E a Câmara? Ninguém poe este hospital na linha? Qualquer dia tem que ser á paulada

  3. Pouca vergonha aquilo não se chama sentro de saúde, só estão lá para ter o ordenado ao fim do mês

    1. Eu na Barca até ouvi dizer de uma funcionária que o covid era uma benção porque assim não tinha que aturar pessoas. Quando os funcionários dizem isto nem vale a pena perder tempo neste hospital

  4. Que puta de vergonha. A barca decia ter vergonha na cara. Se fosse comigo partia os focinhos aos fubcionários