Skip links

P. da Barca | PSD condena a inexistência de alternativa à fronteira da Madalena

De acordo com o comunicado do PSD, ”

O PSD de Ponte da Barca condena a decisão do Governo de decretar o total encerramento da fronteira da Madalena, em Lindoso, ao invés de ser criado um posto de passagem autorizado à semelhança dos concelhos do Vale do Minho.
A fronteira da Madalena é um dos muitos pontos de passagem totalmente encerrados a partir deste Domingo, não tendo sido opção do Governo de considerar o funcionamento de um ponto de passagem autorizado.
Uma decisão que penaliza os muitos trabalhadores transfronteiriços e impede a circulação de transportes de mercadoria na mais importante e movimentada via de acesso do Alto Minho com a província de Ourense.
Para o PSD de Ponte da Barca o Governo fez tábua rasa da realidade local e dos vários apelos feitos pelo Município de Ponte da Barca e pela Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, aquando do primeiro encerramento, na possibilidade de ter sido criado um posto fronteiriço autorizado para permitir a circulação de transportes de mercadorias e de trabalhadores transfronteiriços.
O controlo das fronteiras terrestres com Espanha será feito a partir das 00h00 de hoje apenas em oito pontos de passagem autorizada, devido à pandemia da COVID-19″.

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment