Skip links

Ponte da Barca | CDU questiona executivo sobre fundos comunitários florestais

A CDU Ponte da Barca utilizou hoje, dia 30 de janeiro, o Facebook para questionar questionar Augusto Marinho e o restante executivo barquense sobre a ausência de financiamentos nas florestas.

A questão feita pela CDU refere as aprovações de candidaturas em Arcos de Valdevez e questiona sobre o que se passa em Ponte da Barca.

No comunicado da CDU pode ler-se o seguinte:

Sabendo-se que o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) anunciou recentemente um investimento de 534.600€ em ações de plantação de espécies autóctones, gestão de combustíveis, proteção das áreas plantadas, aproveitamento da regeneração natural, plantação de bosquetes e reprodução em Viveiro Florestal de espécies autóctones com incidência no Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), nomeadamente na Mata do Ramiscal e na Mata do Mezio, por que é que Ponte da Barca fica de fora?

Por que é que, por exemplo, a mata do Cabril não é contemplada nestes apoios de reflorestação?

Será falta de atenção do executivo?

Esquecimento na submissão de candidaturas?”

 

Até à data, Augusto Marinho ainda não respondeu à solicitação. O PV está a acompanhar o caso.

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment