Skip links

“Tino de Rans” e Marcelo vão debater na televisão

O candidato presidencial Vitorino Silva e o atual chefe de Estado e recandidato, Marcelo Rebelo de Sousa, vão ter um debate televisivo em 20 de janeiro, no Porto Canal.

Em declarações à agência Lusa, “Tino” (Vitorino Silva) congratulou-se com a disponibilidade do Presidente da República para trocar ideias, apesar de as outras televisões lhe “terem fechado a porta”.

“Esse debate está confirmado, mas também quero discutir com outros. Quem quiser debater com o ‘Tino’ pode fazê-lo no Porto Canal ou noutro sítio qualquer. Eu só entro em casas em que as pessoas me abram a porta. Não mando na SIC, TVI nem RTP e não vou pedir esmolas. Eles é que mandam na casa deles”, disse o calceteiro, que se recandidata à Presidência da República depois de, em 2016, ter recebido 3,28% dos votos, num total de 152.094.

O presidente do RIR (Reagir, Incluir, Reciclar) referia-se ao critério adotado pelas televisões generalistas para a organização de debates presidenciais, segundo o qual só foram idealizados 15 confrontos entre os seis candidatos apoiados por partidos políticos com assento na Assembleia da República.

Na rede social Twitter, o diretor de informação do Porto Canal, Tiago Girão, já havia considerado “indispensável a realização de debates entre todos os candidatos a Presidente da República”.

“Iremos contactar todas as candidaturas e informar da disponibilidade do Porto Canal para receber os debates não agendados com Vitorino Silva”, escreveu Tiago Girão.

As eleições presidenciais estão marcadas para 24 de janeiro. Este debate televisivo entre o atual “inquilino” do Palácio de Belém e o antigo autarca socialista de uma freguesia de Penafiel vai acontecer a escassos dois dias do final da campanha eleitoral oficial.

Fonte: JN