Skip links

Arcos de Valdevez| Traficante detido escondia a droga na casa do pai

O Núcleo de Investigação Criminal da GNR dos Arcos de Valdevez deteve quatro elementos de uma rede de tráfico que operava a partir de Barcelos e apreendeu dez quilos de haxixe, escondidos em casa do pai de um deles.

Segundo o jornal JN, o advogado João Ferreira Araújo, de Braga, que defende o suposto líder do grupo, explicou que os dois alegados cabecilhas da rede serão ouvidos na sexta-feira no Tribunal de Viana do Castelo.

Os outros dois foram, esta quinta-feira, interrogados pelo Ministério Público local que lhes aplicou a medida de coação de termo de identidade e residência. Ao todo, adiantou o jurista, o inquérito tem 12 arguidos, sendo que oito serão distribuidores a retalho.

 

Na operação, que decorreu na quarta-feira em Barcelos e Guimarães, com 12 buscas domiciliárias, a GNR aprendeu, ainda, cinco veículos, 18 telemóveis, quatro cartões SIM, três balanças de precisão, uma máquina de embalar, um computador portátil, 17290 euros em numerário e vários documentos e material de corte.

A investigação, iniciada em 2019, concluiu que o grupo procedia à produção e venda de produtos estupefacientes, sobretudo haxixe, mas também cocaína e heroína, ainda que em pequenas quantidades. A operação contou com o reforço dos Comandos Territoriais de Viana do Castelo, Porto e Braga, da Unidade de Intervenção, e teve o apoio da PSP.

 

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment