Skip links

“Não corram o risco de vir a Fátima” alerta o reitor do Santuário

Plano de contingência dita cerca de 6 mil lugares na Peregrinação de 12 e 13 de outubro.

O reitor do Santuário de Fátima, o padre Carlos Cabecinhas, pediu aos peregrinos que “não corram o risco de ir a Fátima” durante as celebrações que acontecem na próxima segunda e terça-feira, apelando aos fiéis que se associem às celebrações a partir de casa e visitem a Cova da Iria numa outra data.

Devido à evolução da pandemia da Covid-19 em Portugal, o plano de contingência dita cerca de seis mil lugares na Peregrinação de 12 e 13 de outubro. A estas pessoas, o reitor também pediu responsabilidade no cumprimento das normas de segurança da distância física do uso da máscara e do respeito pelas indicações dos acolhedores.

“No Santuário, a preocupação pela saúde dos peregrinos e de quantos aqui trabalham é sempre prioritária e tem de o ser também num momento festivo como este”, afirmou o responsável, ao pedir para quem for e não conseguir entrar, no dia da Peregrinação Internacional Aniversaria, que evite aglomerar-se nas zonas limítrofes do Santuário.

“A Peregrinação de outubro é, a par da de maio, a mais participada neste Santuário. (…) Este ano, tudo é diferente, por causa da pandemia que nos atinge. Em maio, fizemos uma peregrinação, pela primeira vez, sem peregrinos e, em outubro, apesar de já contarmos com a presença de peregrinos, serão ainda muito poucos”, explica o reitor, ao manifestar a “mágoa e tristeza” pelo facto do Santuário não poder acolher todos quantos gostariam de vir.

Fonte jornal CM

Anúncio

Escreva um comentário

Nome

Website

Comment